Resultados

Em 12/05/2017 | 10:24h

BRF tem prejuízo de R$ 286 mi após esquema de corrupção ser revelado

BRF tem prejuízo de R$ 286 mi após esquema de corrupção ser revelado


A BRF, dona das marcas Sadia e Perdigão, revelou um prejuízo líquido de R$ 286 milhões entre janeiro e março, enquanto a receita operacional líquida recuou em razão dos preços e dos volumes feitos.

A companhia informou ainda que o resultado converte o lucro líquido de R$ 39 milhões reportadas do mesmo período de 2016; resultando no segundo prejuízo trimestral seguido da BRF.

Os analistas ouvidos pela Reuters tiveram análises bem distintas, sendo algumas de com lucro médio de R$ 141 milhões e outras indicando prejuízos de R$ 205 milhões. Além disso, a taxa Ebitda retraiu mais de 50%, fechando em R$ 506 milhões, abaixo das expectativas de R$ 707 milhões.

De acordo com o relatório, os três primeiros meses foram marcados por interrupções na produção, depois que uma investigação federal em 17 de março revelou um esquema de corrupção entre frigoríferos e inspetores sanitários.

E, em razão da investigação, a fábrica de Minérios, em Goiás, foi interditada e dois executivos da BRF estavam entre as 60 pessoas acusadas de participar do esquema. A unidade foi reaberta em abril.

Em nota, a BRF informou que a administração agiu rapidamente, adotando medidas para esclarecer os fatos e mostrando transparência e agilidade em comunicação com todos os interessados.

Na última quarta, o governo brasileiro divulgou que 57 importadores endureceram os controles de embarques diante do escândalo, porém, que nenhuma irregularidade havia sido encontrada.

As exportações brasileiras de carnes bovina, suína e de frango diminuíram 22,3% em abril, embora os preços tenham aumentado parcialmente, compensando os embarques menores após o escândalo.

(Da redação)

Comentários

Para comentar é preciso se identificar:
esqueci a senha | cadastre-se já!

Ainda não há comentários sobre este post.

Ou identifique-se abaixo, no Facebook.
 

Mais Lidas

Mercado 22/01/2013 17:40h

Microsoft pode investir US$3 bi para fechar capital da Dell

A Microsoft estuda investir entre US$1 a US$3 bilhões para o fechamento de capital da fabricante Dell, de acordo com o

Negócios 30/01/2013 15:24h

TIM e Itaú se unem para pagamentos móveis

A TIM informou nesta quarta (30) que está iniciando testes em parceria com o Banco Itaú para a implementação de uma

Telecom 16/01/2013 16:48h

Telefônica Vivo sofre instabilidade de telefonia móvel em SP, SC, PR e RS

A Telefônica Vivo comunicou através de uma nota nesta quarta (16) que o serviço de telefonia móvel da companhia pass

RSS Enviar por email Twitter Facebook

© 2013 Corpbusiness Ltda. Todos os direitos reservados
Agencia Pulse